Caism dá início ao “Outubro Rosa” 2019

Na manhã do dia 1 de outubro, terça-feira, teve início a Campanha “Outubro Rosa” 2019. Única referência integralmente pública para a oferta de todas as modalidades de tratamento para o câncer de mama em uma região de 62 municípios e mais de cinco milhões de pessoas, é claro que o Caism não poderia ficar de fora dessa Campanha.

Em parceria com diversas instituições públicas e privadas de Campinas, o Hospital participou da cerimônia de abertura do “Outubro Rosa” no município, realizada no Salão Symetria, no Bairro Castelo. O evento, que contou com a presença de várias personalidades, foi marcado pela tradicional revoada de balões na cor rosa, símbolo da campanha. Biodegradáveis, todos os balões carregavam sementes de ipês-rosa, para que pudessem brotar aonde quer que tenham caído na cidade.

Durante a abertura, também foram vendidas camisetas da Campanha, ao custo de R$ 15 cada. A receita dessas vendas será revertida para o Grupo Rosa e Amor e para o próprio Caism. O Grupo Rosa e Amor é uma associação sem fins econômicos, fundada no ano 2000, que se tornou referência em Valinhos e região, com a finalidade de assistir pessoas com câncer de mama e câncer ginecológico. A entrega do valor arrecadado acontecerá no dia 31, no encerramento do “Outubro Rosa”.

Ao mesmo tempo em que os balões decolavam do Salão Symetria, diversas atividades culturais já eram realizadas no Caism. No Saguão da Radioterapia e nas enfermarias do Hospital, o coral “Canto das Águias”, liderado pela maestrina Fátima Viegas, entoou inúmeras canções e mantras, promovendo o equilíbrio e o bem-estar das pacientes.

Composta por integrantes da Associação de Músicos da Orquestra Sinfônica de Campinas, a Orquestra de Sopros apresentou clássicos e obras especiais no grande saguão do ambulatório de oncologia mamária. Os músicos, dentre os quais estava Samuel Brisolla, também aproveitaram a oportunidade para descrever às pacientes a função de cada um dos instrumentos utilizados, de modo a aproximá-las da música erudita.

Entre uma música e outra, pacientes e familiares tiravam fotografias em frente à enorme borboleta pintada em uma parede pela técnica de enfermagem Malim Ciúrcio, do Caism. A obra resultou de um projeto desenvolvido pela equipe da Seção de Radioterapia, tendo como objetivo tornar o ambiente mais colorido e agradável. De acordo com a artista, “a borboleta significa transformação e tem íntima ligação com o momento vivenciado por todas as pacientes oncológicas. Além disso, simboliza leveza e beleza com as cores do “Outubro Rosa”.

No período da tarde, em evento realizado no anfiteatro principal do Caism, o Dr. Jamiro Silva Wanderley ministrou a palestra “Sobre o cuidar de quem cuida”. Mesclando historietas, causos, bom humor, ilusionismo e muita interação com o público, o palestrante abordou temas relevantes sobre os relacionamentos e que acabam por repercutir no ambiente de trabalho.

Clínico geral de formação, Dr. Jamiro também falou sobre equilíbrio emocional e sobre o papel do elogio e do apoio aos pares. O palestrante abordou, ainda, o valor do “ouvir e ser ouvido”, deixando a plateia embevecida ao longo de toda a apresentação.

O evento, que havia sido aberto superintendente do Caism, Dr. Luís Otávio, também contou com gincanas entre os presentes, aos quais foram distribuídas camisetas temáticas do “Outubro Rosa”, além de ter sido sorteado um dos desejados guarda-chuvas de cor rosa, que decoram diversos espaços do Hospital.

A gincana e os sorteios foram promovidos pela Dra. Juliana Heinrich Muçouçah, presidente da Campanha em 2019. Em sua fala, ela explicou que a programação deste ano contará com uma rica variedade de eventos, incluindo um concerto com a Orquestra Sinfônica de Campinas e uma corrida organizada em parceria com alunos da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp. Juliana também informou que, assim como ocorrera no ano passado, o Shopping Dom Pedro disponibilizou um quiosque para que o grupo de voluntárias do Caism vendam as camisetas do “Outubro Rosa”, além dos artesanatos que elas mesmas fabricam. Todos os recursos advindos dessas vendas serão repassados às pacientes do Hospital.

 

Saiba mais sobre o “Outubro Rosa”
Comemorado em todo o mundo, o movimento visa a estimular a participação da população e de entidades públicas e privadas em ações voltadas à conscientização sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama. De acordo com dados do INCA, o câncer de mama é o segundo mais comum entre as mulheres do mundo todo, com incidência inferior apenas ao câncer de pele não melanoma.

No Brasil, proporcionalmente, o câncer de mama responde por aproximadamente 28% dos casos novos de todos os tipos de câncer a cada ano. O câncer de mama também acomete homens, porém é raro, representando apenas 1% do total de casos da doença.

Em números absolutos, essas taxas significam que cerca de 60 mil pessoas desenvolvem a doença todos os anos, que também é responsável por um número importante de mortes. E mais: estatísticas indicam um aumento da incidência do câncer de mama em países de todo o mundo, tanto nos desenvolvidos como naqueles em desenvolvimento. E isso inclui o Brasil.

A boa notícia é que o câncer de mama tem cura, sobretudo quando o diagnóstico e o tratamento são realizados precocemente. É por isso que o “Outubro Rosa” é tão importante, pois ajuda a promover a consciência das pessoas quanto ao próprio corpo, além de estimulá-las a visitarem seus médicos regularmente e a realizarem todos os exames que lhe são solicitados.

 

Facebook do Caism: https://www.facebook.com/hospitaldamulherdaunicamp/


Texto: Denis Barbosa Cacique
Fotos: Neder Piagentini do Prado
Edição de imagem: Claudinei dos Santos

Copyright © 2018 - CAISM/UNICAMP - Todos Direitos Reservados.